IPVA Detran BA 2019 – Consulta, 2ª via de Boleto, Tabela e Como pagar

O IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) é uma tributação obrigatória na Bahia. Em 2018 a taxação ficou 3,16% mais barato no estado, sendo a maior diminuição a dos  caminhões que tiveram 6,8% do imposto reduzido.

Na época,  uma nota da Secretaria Estadual da Fazenda da Bahia (Sefaz-BA) publicou uma nota no diário oficial informando que a baixa do IPVA se deu por conta do valor de mercado para carros usados que desvaloriza carros usados. Se tendência continuar, podem ser esperados preços mais baixos na cobrança do IPVA 2019. Atualizações devem ser publicadas até janeiro do ano.

Consulta IPVA Detran BA 2019 – 2ª via de boleto

Com a consulta de IPVA no site oficial do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) pode-se descobrir se há débitos pendentes e ainda pode-se imprimir a guia de pagamento atualizada (mesmo se atrasada). Para acessar o documento realize o passo a passo abaixo:

  1. Acesse o site oficial do Detran Bahia (http://www.detran.ba.gov.br/);
  2. No menu clique em “Situação do Veículo”;
    Consulta IPVA Detran BA 2019
  3. No menu lateral esquerdo clique em “Consultar Situação”;
    Consulta IPVA Detran BA
  4. Informe o número do Renavam ou Chassi. Caso já tenha cadastro no site informe o CPF e Senha;
    Consulta IPVA Detran BA 2019
  5. Não se esqueça de clicar ao lado da imagem que diz “Não sou um robô”. Ao finalizar clique em “Pesquisar”;
  6. Você será redirecionado para a área do usuário. Ali deverá encontrar todos os débitos veiculares pendentes no Detran BA. Clique sobre a opção de IPVA;
  7. Ao clicar sobre a guia de pagamento ela poderá ser salva na máquina em formado de PDF ou impressa.

Quem está com o IPVA atrasado basta gerar a guia que ela já será atualizada automaticamente com os juros correspondentes. No entanto, é preciso lembrar de pagar no mesmo dia de emissão da guia, caso contrário precisará ser atualizada novamente.

Valor do IPVA na Bahia

As alíquotas são calculadas com base no valor venal do veículo atualizado anualmente pela tabela FIPE. A instituição determina o valor de cada veículo considerando todas as suas variáveis (cor, ano, modelo, etc).

Os valores de IPVA previstos para 2019 na Bahia são de:

  • 1,25% para veículos de transportes como ônibus e caminhões;
  • 2% para veículos aéreos e aquáticos;
  • 2,5% para veículos utilitários e caminhonetes;
  • 2,5% para motos e motocicletas de até 190 cm3 de cilindrada;
  • 3,5% para automóveis e motocicletas equipados com motor acima de 180 cm3 de cilindrada.

Dessa forma, para calcular o valor do IPVA basta multiplicar o valor venal do veículo pela alíquota conforme indica o exemplo abaixo:

20.050 (valor do carro conforme a tabela fipe) X 0,02 (alíquota) = R$ 401,00 (valor do IPVA)

Quem quiser mais facilidade no cálculo pode usar a ferramenta da Sefaz BA no seguinte link https://www.sefaz.ba.gov.br/scripts/ipva/ipva.asp  basta digitar o Renavam (consulte-o no documento do automóvel).

Tabela IPVA Detran BA 2019

A tabela do IPVA é cobrada de acordo com o final da placa veicular. Se terminar em  1 o primeiro mês de cobrança será janeiro, se 2, fevereiro – e assim sucessivamente. Confira na tabela abaixo quando deverá ser pago:
tabela IPVA Detran BA 2019

IPVA atrasado consequências

Quem não pagar o IPVA fica passível de multa mensal de 0,30% acrescentado de juros de mora. Depois de algum tempo é fixado no valor de 20% de juros. Além disso, quem não pagar o tributo em dia fica com o licenciamento anual bloqueado, sem poder renovar o documento veicular.

Sem o documento em dia, o veículo poderá ser apreendido se pego numa blitze. De lá, só sairá após a quitação de todos os débitos pendentes do automóvel no Detran BA além do pagamento da estadia referente a todos os dias que ficou sob apreensão.

Como pagar?

Se estiver em dia, a quitação das parcelas (tanto de cota única como parceladas) pode ser paga via internet banking. Já se estiver com o vencimento atrasado, o pagamento pode ser diretamente nas agências dos bancos:

  • Bradesco;
  • Banco do Brasil ou
  • Bancoob.

Os valores podem ser parcelados em até três vezes, desde que o valor de cada parcela seja superior a R$ 200,00 para pessoas físicas e R$ 400,00 para pessoa jurídica.

Há tabela de descontos para quem pagar antecipadamente. Para conseguir até 10% de desconto no imposto é preciso pagar em cota única até dia 7 de fevereiro de 2019. Já quem pagar em cota única até o vencimento da primeira parcela consegue desconto de até 5% sobre o valor total do imposto.

Os débitos  da taxa de licenciamento e as multas de trânsito deverão ser quitados até a data de vencimento da última parcela do IPVA. Enquanto isso, o valor do seguro obrigatório deverá ser quitado até a terceira parcela do IPVA.

Veículos isentos

Na Bahia são isentos todos os veículos que se encaixam nas categorias abaixo:

  • Empresas concessionárias de serviço público de transporte coletivo;
  • Veículos com mais de 15 anos de fabricação;
  • Veículos com motor e potência inferior a 50 cilindradas;
  • Transportes pertencentes à União;
  • Veículos pertencentes a portadores de deficiência;
  • Embarcações com motor que tenha potência menor do que 25 HP.

Para que serve o IPVA?

O Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores é instituído para todos os estados brasileiros. A cobrança é uma forma de incrementar os cofres públicos, qual terá investimento a ser determinado pela Secretaria da Fazenda do Estado. O Detran tem somente a função fiscalizadora e de cobrança.

Metade do valor arrecadado do IPVA é repassado ao estado, enquanto o restante deverá ser aplicado no município correspondente a placa veicular do contribuinte. O dinheiro pode ser usado para investimento em qualquer área, não somente à mobilidade urbana e afins. No caso da Bahia, a Sefaz prevê arrecadação de algo em torno de  R$ 1,9 milhões com o imposto no ano de 2019.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *