Como Consultar IPVA Detran RN – 2019

O brasileiro está bastante acostumado com o pagamento de impostos e um deles é o IPVA – o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, obrigatório em todos os estados do país. No Rio Grande do Norte, o IPVA deve ser pago por todos aqueles que possuem registro de automóveis neste estado.

Por sorte, recentemente ocorreu algumas reduções no valor do imposto: a tendência é que isso continue acontecendo em 2019. A expectativa é grande, agora basta ocorrer.

Entenda sobre o IPVA Detran RN 2019, em especial sobre o pagamento, como consultar sua situação, como emitir a 2ª via de boleto e outras informações que podem ser de seu interesse.

Pagamento do IPVA Detran RN 2019

O IPVA RN, como tributo, é devido à Secretaria de Tributação. É esse órgão que irá fixar valores e administrar o recolhimento e aplicação de todo o montante que é arrecadado graças a esse imposto.

O pagamento do IPVA Detran RN 2019 é essencial para que você tenha o Certificado de Licenciamento de Registro de Veículos (CRLV), documento este de porte obrigatório para todos os motoristas e devendo ser emitido todos os anos. Para ter o CRLV, portanto, além do IPVA, você deverá quitar o licenciamento e o seguro DPVAT (Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre).

No Rio Grande do Norte, o IPVA 2019 poderá ser pago, provavelmente em 5 parcelas (chamadas de cotas) ou também em cota única. As datas ainda não foram divulgadas, mas é possível você ter uma ideia de período através do último calendário:

  • O final da placa do veículo irá indicar qual é o período em que você deverá realizar o pagamento,
  • É possível fazer o pagamento em cota única e receber 5% de desconto ou dividir o valor em 5 vezes,
  • Os veículos com placa com final 1, por exemplo, possuem validade do CRLV até setembro, enquanto que os automóveis com placa com final 0 têm validade do CRLV até o mês de dezembro.

É importante que você fique atento (a) às datas e evite confusões.

Você receberá um carnê para realizar o pagamento – no endereço que estiver cadastrado no Detran RN – ou você ainda pode acessar o site oficial do Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Norte para emitir as guias e fazer o pagamento pela internet (ou retirar a segunda via do boleto que estará devidamente atualizado).

Consulta IPVA Detran RN 2019

Para você, morador de Rio Grande do Norte, é importante que você saiba como acessar a situação do seu automóvel, principalmente se você já fez o pagamento do IPVA RN, mas quer verificar se não houve problemas com o débito.

Para isso, basta acessar o site oficial do Detran RN. Veja só os passos:

  1. Acesse o site: http://www.detran.rn.gov.br/Index.asp;
  2. Na página inicial do Detran RN, você terá que clicar no quadro escrito “Consulta de veículos e boletos”;
  3. Na nova aba que se abrirá no navegador, você terá que digitar dois dados simples: a placa de seu automóvel e o código Renavam (que se encontra no CRLV).

Note que as informações devem se digitadas sem pontos e hífen. Sem um destes dados, há impossibilidade de pesquisa.

Depois, clique em “Consultar”.

Pronto. Com esses três passos, você pode verificar sua situação veicular, garantindo que o pagamento do IPVA RN foi feito corretamente.

A emissão da 2ª via boleto IPVA Detran RN 2019 pode ser feita nesta página. Você pode imprimir a via e pagá-la em uma agência bancária ou lotérica de sua preferência.

Lembre-se de respeitar o período de pagamento do IPVA Detran RN 2019, pois você poderá arcar com multas, além de ter o licenciamento bloqueado até que se regularize a situação do seu automóvel. Ou seja, até que você não pague com suas obrigações, você ficará sujeito a apreensão do veículo (caso for parado em uma blitz, por exemplo).

Para que serve o IPVA?

Você pode até achar que o IPVA nada mais é que um tributo e que ele só traz prejuízos ao seu bolso, mesmo que seja por uma vez ao ano.

Entretanto, o IPVA, conforme dados do Detran RN, tem todo seu montante dividido: metade do valor ficará no seu município (aquele que o seu carro tem emplacamento), enquanto que a outra metade irá para os cofres públicos.

O que acontece com esse dinheiro?

A ideia é que essa receita seja utilizada para dois pontos especiais: cobrir despesas normais da administração pública e como investimento para áreas essenciais da população, incluindo a saúde e educação, por exemplo.

O valor pago é determinado a partir do próprio valor do automóvel, o que seria cerca de 2,5% da quantia (já para veículos de locação é 1%). Certos estados possuem valores maiores de IPVA do que outros – é o caso de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Por isso é bem comum encontrar carros com placas de outros estados (é um exemplo de jeitinho brasileiro para pagar menos IPVA, no entanto é uma forma de ir contra a lei).


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *